Tane Konsumidor pede controlo dos preços dos bens de primeira necessidade

Germenino Ximenes - Nacional
Reportajen : Amélia Soares
Editor : Germenino Soares
  • Share
António Ramos

Díli (timorpost.com) – A Associação Tane Konsumidor pediu ao Ministério do Comércio e Indústria (MCI) e à Autoridade de Inspeção e Fiscalização da Atividade Económica, Sanitária e Alimentar (AIFAESA) que controlem os preços dos bens de primeira necessidade, com destaque para o arroz subsidiado pelo Governo, vendidos no mercado nacional.

O presidente da tutela, António Ramos, recordou que a concessão do subsídio do Governo às empresas importadoras teve como objetivo baixar o preço do arroz, nomeadamente das marcas Amor de Família e Beruang Merah.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


“O MCI e a AIFAESA devem monitorizar e fiscalizar os preços dos artigos essenciais no mercado, especialmente do arroz, para manter o seu preço em 10 dólares americanos por cada saco de 20 quilos”, defendeu o responsável, em declarações ao Timor Post, no sábado (25/11), via telefone.

Afirmou ainda que a subida exponencial do preço do arroz no mercado tem prejudicado as famílias com baixo rendimento.

O responsável assegurou que a Tane Konsumidor vai manter a monitorização dos preços de mercadorias no país, para facilitar a compra dos bens essenciais por parte dos consumidores.

Pediu ainda aos consumidores que apresentem queixas às instituições relevantes, no caso de haver suspeitos de especulação de preços.

“A política mundial tem contribuído para o aumento do preço do arroz. Para responder à situação, o Governo aprovou o subsídio às empresas importadoras, diminuindo o valor do arroz no mercado nacional e apoiando, assim, a população com baixo rendimento”, concluiu.

 423 total views,  3 views today

Como Você Reage?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “Tane Konsumidor pede controlo dos preços dos be…” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

Outras Notícias da Timorpost


Comentários :
Timorpost.com Realmente Aprecio Sua Opinião. Seja Sábio e ético ao Expressar Opiniões. Sua Opinião é de Sua Inteira Responsabilidade de Acordo Com a Lei ITE.

error: