AJAR pede soluções para setor da saúde

Augusto Sarmento - Nacional
Reportajen : Estagiada Ermelinda Caet
Editor : Equipa do CLJ
  • Share
Inocêncio de Jesus Xavier

Díli (timorpost.com) – A Associação da Justiça e dos Direitos Humanos (AJAR, em inglês) lamenta a situação de fragilidade em que vive o setor da saúde após mais de duas décadas de independência.

O diretor-executivo da AJAR, Inocêncio de Jesus Xavier, defende que o Governo necessita de tomar medidas adequadas que visam colmatar as principais lacunas que afetam o funcionamento do sistema de saúde timorense.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


“Apesar de termos ambulâncias, não há verbas suficientes para assegurar a sua manutenção. Alguns tipos de medicamentos escasseiam sistematicamente, enquanto outros estão a ser desperdiçados, por ultrapassar o prazo de validade. Estes e outros problemas acontecem frequentemente, mas nunca foram, até agora, encontradas soluções concretas”, lamenta o responsável.

Outra questão que também preocupa a AJAR é a escassez de meios nas unidades de saúde, incluindo no próprio Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), circunstância que obriga a que os doentes sejam transferidos para o estrangeiro, cujas patologias não podem ser tratadas no país.

O Fórum das Organizações Não-Governamentais de Timor-Leste (FONGTIL) partilha a mesma preocupação e pede ao atual Executivo para não cruzar os braços.

 1,029 total views,  3 views today

Como Você Reage?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “AJAR pede soluções para setor da saúde” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

Outras Notícias da Timorpost


Comentários :
Timorpost.com Realmente Aprecio Sua Opinião. Seja Sábio e ético ao Expressar Opiniões. Sua Opinião é de Sua Inteira Responsabilidade de Acordo Com a Lei ITE.

error: