UPM com falta de equipamentos e frotas para fazer vigilância no mar de Timor-Leste

Augusto Sarmento - Segurança
Reportajen : Florindo Coluna
Editor : Germenino Soares
  • Share
Eugénio Pereira

Díli (timorpost.com) – A Unidade da Polícia Marítima (UPM) da Polícia Nacional de Timor-Leste (PNTL) continua a debater-se com a falta de equipamentos e de frotas para dar segurança ao mar de Timor-Leste.

O Comandante da UPM, Eugénio Pereira, disse que a escassez de navios de patrulhamento condiciona o trabalho de vigilância dos elementos policiais nas áreas costeiras e marítimas do país.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


“Por outro lado, nós não temos elementos suficientes para vigiar estas zonas, os que temos agora não chegam nem para colocar nas áreas costeiras da ilha de Ataúro”, disse Eugénio Pereira ao Timor Post.

O dirigente da UPM afirmou ainda que além de navios, a unidade está a enfrentar a falta de veículos e equipamentos de proteção pessoal e de salvamento.

Eugénio Pereira acrescentou, por fim, que os elementos da unidade necessitam de formação contínua e adequada quanto às operações bem como às missões de salvamento no “alto-mar”.

 402 total views,  3 views today

Como Você Reage?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “UPM com falta de equipamentos e frotas para faz…” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

Outras Notícias da Timorpost


Comentários :
Timorpost.com Realmente Aprecio Sua Opinião. Seja Sábio e ético ao Expressar Opiniões. Sua Opinião é de Sua Inteira Responsabilidade de Acordo Com a Lei ITE.

error: