Secretário Executivo da CPLP considera um sucesso a abolição da pena de morte na Guiné Equatorial

Augusto Sarmento - Internacional
Reportajen : Cesário Sousa
Editor : Germenino Soares
  • Share
Zacarias Albano da Costa

Díli (timorpost.com) – O Secretário Executivo da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa (CPLP), Zacarias Albano da Costa, afirmou que a abolição da pena de morte na Guiné Equatorial foi um dos sucessos que obteve durante dois anos do seu mandato como dirigente máximo da CPLP.

O diplomata disse que conseguiu chegar a um consenso com o Governo e o Presidente da República da Guiné Equatorial para pôr fim à pena de morte no país, que aderiu à CPLP em 2014, ano em que Timor-Leste assumiu a presidência rotativa da organização.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


“Com a decisão tomada por parte da Guiné Equatorial, a CPLP já é um espaço sem pena de morte”, disse Zacarias Albano da Costa ao Timor Post.

O ex-Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação afirmou ainda que, durante o seu mandato, foi lançado o acordo de mobilidade para os cidadãos da comunidade, pelo que considera que “faz parte dos avanços obtidos”, facilitando a deslocação dos cidadãos para os países membros da CPLP.

“Este acordo ainda necessita de regras específicas para o implementar, uma vez que édemasiado generalizado, pelo que aconselho os timorenses a não efetuarem qualquer viagem aos países membros da organização sem terem documentos legais”, referiu.

Zacarias da Costa teve um encontro, nesta quarta-feira, com o Presidente da República, José Ramos Horta, no âmbito da sua visita oficial a Timor-Leste enquanto Secretário Executivo da Comunidade dos Países da Língua Portuguesa.

 1,413 total views,  3 views today

Como Você Reage?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “Secretário Executivo da CPLP considera um suces…” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

Outras Notícias da Timorpost


Comentários :
Timorpost.com Realmente Aprecio Sua Opinião. Seja Sábio e ético ao Expressar Opiniões. Sua Opinião é de Sua Inteira Responsabilidade de Acordo Com a Lei ITE.

error: