Governo encoraja setor privado a aumentar produção agrícola

Germenino Ximenes - Economia
Reportajen : Olga Soares
Editor : Equipa do CLJ
  • Share
Marcos da Cruz

Díli (timorpost.com)O Ministro da Agricultura, Pecuária, Pesca e Florestas, Marcos da Cruz, encorajou o setor privado nacional a contribuir para o desenvolvimento da agricultura e aumentar a produção agrícola.

Marcos da Cruz destacou esta questão em relação ao problema do preço elevado do arroz no mercado mundial, que afetou também Timor-Leste.

ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA


“Queremos aumentar a produção agrícola, mas não é só responsabilidade do Ministério da Agricultura, Pecuária, Pesca e Florestas (MAPPF), precisamos da participação de todos. É importante o setor privado nacional apoiar o Governo no desenvolvimento da agricultura”, afirmou o ministro, na quinta-feira (05/10), no âmbito do estabelecimento do Conselho Nacional de Sementes no salão de Uma Adat, em Comoro, Díli.

O governante referiu que há alguns empresários que têm contribuído para o desenvolvimento da agricultura e pecuária, pelo que pede para manterem as suas atividades visando o aumento da produção no país.

Frisou que o MAPPF vai reabilitar os sistemas de irrigação nos arrozais, disponibilizar tratores, organizar e mobilizar instrutores técnicos para apoiar os agricultores.

Além disso, o ministério vai distribuir sementes agrícolas à comunidade para cultivar, tendo estabelecido, na quinta-feira (05/10), o Conselho Nacional de Sementes, que possui 20 membros, representados pelos diretores nacionais do ministério, organizações não governamentais e Igreja.

“Os membros do conselho vão discutir e decidir a política nacional de sementes que vai ser lançada nos próximos dias. Vamos aguardar um professor coreano que acompanha o processo da nossa pesquisa”, referiu.

Segundo Marcos da Cruz, o ministério possuiu sementes certificadas e comerciais de vários produtos, como arroz, milho e feijão.

“Estas sementes certificadas vão ser distribuídas aos agricultores para cultivar e comercializar”, acrescentou.

O profissional do MAPPF, Gil Rangel, explicou que a política de sementes visa, em primeiro lugar, identificar os recursos genéticos do país, que aderiu à Convenção de Biodiversidade em 2007, e, em segundo lugar, identificar as variedades com potencial para serem produzidas em grandes quantidades.

 699 total views,  3 views today

Como Você Reage?
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry
You have reacted on “Governo encoraja setor privado a aumentar produ…” A few seconds ago
  • Share
ADVERTISEMENT
SCROLL FILA BA NOTISIA

Outras Notícias da Timorpost


Comentários :
Timorpost.com Realmente Aprecio Sua Opinião. Seja Sábio e ético ao Expressar Opiniões. Sua Opinião é de Sua Inteira Responsabilidade de Acordo Com a Lei ITE.

error: